Quem é essa negra arrogante, que mandou outras negras cobrirem seus corpos?

Olá pessoal sejam todos bem vindos a mais um programa ”Tretas do momento” e hoje vamos receber Alessandra Eduardo uma feminista negra, que acabou gerando um certo alvoroço saindo do anonimato e sendo repercutida por feministas famosas, com um texto que fala sobre a exibição da bunda da mulher negra por paginas com milhões de seguidores geridas por machos, que pregam um falso empoderamento.
 
– Primeiramente seja muito bem vinda, se apresente por favor.
 
Eu me chamo Alessandra Regina Eduardo, tenho 28 anos, sou graduanda em Engenharia de Produção pela Ufscar, feminista negra, ativista e militante do movimento negro, moderadora de um grupo de feminismo negro, em constante aprendizado e desconstrução.
 
1- Como vc explica o tamanho da repercussão que seu texto alcançou? Que inclusive ainda continua sendo compartilhado né?
 
Sim continua! De acordo com a contagem do blog ele bateu 20 mil compartilhamentos e contando. Eu acredito que houve uma identificação muito grande por partes de outras mulheres negras, que tb se incomodam com o fato dessas páginas famosas nos reduzirem a um ser unicamente sexual, que tem como maior qualidade uma bunda grande.
 
2- Mas nem td são flores não é mesmo.. E foi por isso que trouxemos vc aqui. Como vc se sentiu ao ver essa feminista famosa rebatendo seu texto, defendendo que as mulheres negras podem mostrar seus corpos, e não precisam virar escritoras? Afinal, o povo quer saber! O que vc realmente quis dizer com a polemica frase: ”MOSTRAR NOSSA BUNDA NÃO É EMPODERAMENTO.”
 
Eita que tem muita coisa pra falar, mas vamos por parte: Quando eu fiquei sabendo disso fiquei bem surpresa, feliz por ter sido notada por alguém que eu sempre admirei e consumi os textos, e triste porque minha fala foi distorcida sem nenhum direito de resposta. Eu fiz esse texto, não para atacar mulheres negras que usam roupas curtas, justas, postam fotos de biquínis e etc. Minha crítica foi a uma pagina especifica (de um homem negro) que usa a bunda da mulher negra pra atrair seguidores e anuncia como ‘conheça o poder das negras.’ Eu não concordo. Me sinto diretamente atingida, pq meu poder e o que tenho de melhor a oferecer não é minha bunda.
 
3 – Entendi, mas se a critica não era direcionada as mulheres negras que exibem seus corpos, como vc explica aquele ‘ACORDA FILHA’? E tb diz para usarem o cérebro.
 
Veja bem, no texto eu cito mulheres negras que se sentem valorizadas, e admiram os homens que ficam divulgando e exaltando a bunda grande da mulher preta. Esse acorda foi para elas, afinal isso não é valorizar. Fazem isso, dizem que estão empoderando a mulher negra, e a dinâmica continua a mesma: preta serve pra lanchinho da madrugada e branca para relacionamento estável. Usar o cérebro significa se perceber enquanto mulher negra, sofremos dupla opressão, machismo e racismo, para lutar contra precisamos entender este mecanismo e buscar conhecimento. Era só isso. Não falei pra ninguém virar escritora.
 
4 – Acho que o texto foi explicado então, agora vamos aos rumores: Vc realmente disse que veio pra derrubar Nataly Nery, Gabi Oliveira, Stephanie Ribeiro, entre outras e afirmou que o reinado de Djamila Ribeiro estava com os dias contados? Vc escreve para pagar de intelectual, e ganhar likes e seguidores? Quer ficar famosa? Vai largar a Engenharia e viver da militância?
 
Gente! Quanto absurdo junto! Risos.Isso é td mentira. Eu estava muito bem dentro de um grupo que inclusive é secreto, levantando discussões e compartilhando conhecimento com outras pessoas. NUNCA pedi para ninguém compartilhar nada do que eu escrevo. As pessoas começaram a me pedir para fazer isso e eu acabei cedendo. Se outras pessoas vão se identificar, se vai de alguma maneira ajudar alguém, não vejo problema. Quer dizer, não via né. Até esse ultimo texto que escrevi.
 
5- Agora a pergunta que não quer calar: Vc vai parar de escrever?
 
Vou ser bem honesta. Depois do baque que foi a distorção da minha fala, eu cogitei isso sim. Então pensei em continuar escrevendo apenas no grupo e proibir os compartilhamentos. Mas ai recebi uma noticia maravilhosa: Alexandra Loras que eu acompanho e sempre admirei compartilhou não só esse, mas TODOS os textos que eu escrevi na fan page dela.E o feedback tá sendo muito bacana, muita gente se identificando, então n vejo pq parar só pq n recebi o selinho de aprovação das famosinhas de facebook. Minha proposta é propagar conhecimento com a linguagem mais simples que eu puder usar. Agradeço a tds que me enviaram inbox e comentaram me dando apoio, foi muito importante pra mim. E segue o baile. Encerro com o famoso ditado: Quem gostou bate palma, quem não gostou paciência.
 
– E esse foi mais um “Tretas do momento”! Obrigada pela audiência, e com a loucura que é essa vida virtual, a qualquer momento podemos estar batendo na sua telinha de novo.
 
plim plim
 
🙂
Anúncios

3 comentários

  1. Amei o texto! E concordo com Alessandra. Mulher negra não tem méritos só por que tem bunda grande. A bunda faz parte da herança genética dos nossos antepassados.
    Mulher negra tem empoderamento por ser lutadora. Estudar, trabalhar, criar filhos, viajar, viver.

    Curtido por 1 pessoa

  2. “propagar conhecimento com a linguagem mais simples que eu puder usar”
    VOCÊ ESTÁ NO CAMINHO CERTO.
    ADOREI SEUS TEXTOS, SUA DIDÁTICA E SUA LINGUAGEM DIRETA E DE FÁCIL COMPREENSÃO.
    Parabéns, gata!

    Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s